segunda-feira, 30 de abril de 2012

Estrutura Geológica e Relevo (Exercícios - Lista 2)

Estrutura Geológica e Relevo
(Exercícios - Lista 2)


1. (FMU) Considere as seguintes afirmações sobre o quadro geológico-geomorfológico brasileiro.
I - As chapadas são formas de relevo tabulares em estrutura cristalina.
II - As maiores altitudes do País estão nas áreas de escudos cristalinos.
III - Quanto à sua origem, os planaltos são sempre resultantes de processos de sedimentação.
IV - As planícies brasileiras são áreas sedimentares recentes.

Estão corretas apenas:
a) I e II
b) I e III
c) I e IV
d) II e IV
e) III e IV


2. (UECE) Sobre a origem da Terra e as bases geológicas do território brasileiro, é correto afirmar:

a) a era cenozóica caracteriza-se pelo aparecimento do homem, enquanto os escudos são datados da era pré-cambriana.
b) a era mesozóica registrou o aparecimento da vida nos oceanos, enquanto as cadeias de montanhas aparecem na era arquezóica.
c) a era azóica não registra vida alguma e as rochas magmáticas são da era paleozóica.
d) a era cenozóica registra vida recente, enquanto a extinção dos grandes répteis ocorre no quaternáio.


3. (UFMG) Leia o texto.
"Embora a evidência de deslocamentos laterais dos continentes fosse mais ou menos forte, a maioria dos geólogos resistiu, durante muito tempo, à ideia desses deslocamentos. Essa resistência era, em grande parte, ideológica, a julgar pela extraordinária ira da controvérsia contra o principal proponente da deriva continental, Alfred Wegener. De qualquer modo, o argumento de que esses deslocamentos não eram verdadeiros porque não se conhecia nenhum mecanismo geofísico para causar tais movimentos não era mais convincente a priori, em vista da evidência acima referida. Contudo, desde a década de 1960, o antes impensável tornou-se a ortodoxia da geologia do dia-a-dia: um globo de placas gigantescas mudando de lugar, às vezes, rapidamente (placas tectônicas)."
Adaptado de: HOBSBAWIN. E. Era dos extremos. O breve século XX: 1914-1991. São Paulo: Companhia das Letras, 1995. p. 530.

Todas as alternativas contêm afirmações que podem ser comprovadas pelo texto, EXCETO:
a) A teoria da deriva continental foi, por muito tempo, considerada inaceitável por se desconhecer o mecanismo geofísico que pudesse explicá-la.
b) A teoria das placas tectônicas é considerada, atualmente, a explicação mais aceitável e defensível sobre a posição das massas continentais e a configuração da litosfera.
c) As evidências de que as terras emersas se deslocavam lateralmente sugeriram a teoria segundo a qual a litosfera era formada por várias placas, em vez de uma única, imóvel sobre o manto.
d) O relato sobre a aceitação de uma nova teoria sugere que observações, embora inexplicáveis pelo conhecimento científico de uma época, são prontamente aceitas pelos cientistas.


4. (UECE) As águas oceânicas realizam um trabalho de destruição e construção do relevo. Indique a dinâmica correta deste movimento:

a) o trabalho destrutivo dos oceanos dá origem às praias, restingas, tômbolos e recifes.
b) o trabalho construtivo recebe o nome de abrasão e dá origem às falésias.
c) um dos trabalhos dos oceanos se faz na falésia, através do solapamento de sua base, em virtude da ação das ondas e decomposição das rochas.
d) a deposição de sedimento que o oceano realiza junto ao litoral, formando costas e acumulação e cordões dunares,  constitui um trabalho destrutivo oceânico.


5. (UECE) Aponte a característica que melhor identifica o relevo brasileiro:
a) apresenta predomínio de grandes altitudes, considerando possuir o território altitudes superiores a 1.000 m.
b) apresenta dobramentos modernos e está sujeito a movimentos tectônicos.
c) apresenta pequena variedade de formas, predominando os maciços residuais.
d) possui uma estrutura geológica velha, bastante erodida, portanto de altitudes modestas.


Respostas:
1. D
2. A
3. D
4. C
5. D

Um comentário: